ShakeUp Power 100

terça-feira, 23 de agosto de 2011

A morte de Osama foi mesmo uma farsa

Em junho de 2011 eu escrevi um texto chamado A morte de Osama, ou será de Obama?, em que eu questionava a morte do terrorista mais caçado do planeta, mas propunha a possibilidade de ser tudo uma grande farsa perpretada pelo presidente Obama contra o povo americano e, de certa forma, contra o mundo.
Naquele texto eu dizia que se fosse comprovado que tudo não passava de uma armação quem estaria morto seria o presidente Obama e seu partido.
Bem. Agora aparecem evidências de que tudo não passou realmente de armação e que o Bin Laden já estava morto há muito tempo.

Leiam o texto abaixo.

GermanoCWB





Queima de arquivo! Militares que "mataram" bin Laden são assassinados



É claro que foram assassinados... Para que não sejam uma ameaça para a farsa do suposto assassinato de  Bin Laden, que já estava morto há um bom tempo.
HELICÓPTERO ABATIDO DE FORMA SUSPEITA: Alex Jones discute o caso do helicóptero que foi abatido no dia 05 de agosto de 2011 em Cabul, no Afeganistão, e que levava mais de 20 integrantes da equipe "SEAL 6", que executa "Black Ops" (Operações Clandestinas), e que foi responsável pela Operação bin Laden, na qual o terrorista foi supostamente morto e sepultado no mar.
FONTES CONFIRMAM - FOI QUEIMA DE ARQUIVO: Alex Jones revela que 3 de suas fontes militares, que sempre lhe passam informações e previsões precisas, confirmam que este evento no Afeganistão trata-se de queima de arquivo.

http://www.youtube.com/watch?v=PAM_a6UuqrI&feature=player_embedded




ESTATISTICAMENTE IMPOSSÍVEL: As coincidências e peculiaridades que envolvem este caso são de deixar o queixo caído: 
• É a maior baixa de militares em um único dia, em 10 anos de operações no Afeganistão.
• Além de ser a maior baixa, transportava um grande número de militares SEALs da marinha, que é uma equipe militar altamente especializada, portanto uma minoria entre os militares americanos. É muitíssimo mais provável ocorrer eventos desta natureza com militares comuns, que são um número muito maior de pessoas e que fazem muito mais viagens de helicóptero, em números absolutos.
• "Por coincidência", os militares que morreram neste evento são os mesmos que executaram a missão que matou bin Laden.
• Militares SEALs dificilmente viajam em grande número em um mesmo helicóptero.
• Militares SEALs não utilizam helicópteros Chinook da Guarda Nacional (helicóptero que foi abatido no Afeganistão) para executar as suas missões.
• Foi divulgado que os Talibãs sabiam que os SEALs estariam no helicóptero que foi abatido, mas pouquíssimas pessoas nas forças armadas americanas sabem aonde os SEALs executam suas missões.

O objetivo desta missão foi assassinar o restante dos SEALs 6 da marinha, equipe que executou a Operação bin Laden, porque eles estavam ameaçando vir a público para revelar a farsa que foi essa operação, que bin Laden não estava naquela mansão, que eles estavam em busca de outro terrorista, e que parte da equipe SEAL 6 morreu quando um helicóptero invisível ao radar, de última geração, teria explodido por razões desconhecidas, apesar de ter sido divulgado que foi devido à falha do piloto.
 

                                     Mais uma vez

 o governo americano usa seus militares como lenço descartável. Depois de limpar a sujeira, é só jogar no lixo. O que mais é preciso para que os militares americanos reajam a este governo que trabalha para a elite globalista? 

Fonte: http://www.youtube.com/user/BrasiLIndomaveL

0 comentários:

Postar um comentário

Agradeço muito seu comentário, porém comentários ofensivos, ou em CAIXA ALTA, ou escritos em miguxês, ou ainda em internetês serão deletados.

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Walgreens Printable Coupons